“Deus quer que a gente seja humilde”, diz Lucas Lucco

O cantor Lucas Lucco participou do programa “Encontro” na última semana para comentar sobre sua luta contra a depressão e síndrome do pânico.

Nascido em lar cristão, o sertanejo iniciou sua carreira ainda na infância em uma igreja na cidade de Patrocínio (MG), mas com o sucesso, acabou abandando a fé.

“Quando a gente começa a crescer, seja em qual área for, não que a gente se esqueça de Deus, mas a gente começa a ficar um pouco distante Dele. A gente começa a pensar que cresceu e consegue andar sozinho”, revelou.

Esse afastamento, somado ao excesso de trabalho (além da agenda de shows, Lucco gravava participações em novela da Globo) fez com que ele não suportasse a carga e acumulasse uma série de problemas.

“Me sinto distante de Deus mesmo falando com ele diariamente como sempre fiz. Desenvolvi síndromes, saudade acumulada, medo acumulado, trabalho acumulado”, disse Lucas Lucco em um desabafo nas redes sociais no mês de janeiro, quando comunicou seus fãs que estava em tratamento.

No programa da Fátima Bernardes ele também falou sobre sua fé a importância dela para esse momento de sua vida dizendo que Deus quer que estejamos sempre próximos a Ele.

“É como se eu ligasse para o meu pai — no caso, Deus — e dissesse assim: ‘pai, está tudo certo, eu estou andando, eu estou crescido, mas eu estou aqui. Eu te amo, tá?’. E Deus não quer isso. Deus quer que a gente seja uma criança para Ele todos os dias. Deus quer que a gente seja humilde e peça ajuda para Ele, como criança, que a gente deite no colo Dele”, disse o cantor.


GOSPEL PRIME

Categoria:Mundo da Musica

Deixe seu Comentário